Sólida e forte e cantarolando – aqui está a Mageia 5!

Depois de mais de um ano de desenvolvimento, a comunidade Mageia está muito orgulhosa de finalmente entregar este lançamento tão esperado, a Mageia 5. Este anúncio de lançamento é um grande suspiro de alívio, um “Finalmente!”, que vem direto do coração cansado  – cansado, como se pode estar após longos dias de trabalho árduo, mas gratificantes.

E ainda, nós escolhemos dedicar nosso tempo para corrigir os problemas importantes e ter um lançamento de alta qualidade, sem apressá-lo. Talvez o nosso melhor lançamento até agora, tendo em conta o trabalho impressionante que foi feito no instalador, tanto para adicionar novos recursos, como para se livrar de erros antigos.

Se o nosso “Finalmente!” também ecoa em você, depois de meses de espera para esta versão, vá baixá-lo agora mesmo! Durante o download, aproveite para ler e aprender mais sobre a Mageia 5:

O que há de novo na Mageia 5

O principal centro das atenções da Mageia 5 é o suporte de sistemas UEFI. Se você não estiver familiarizado com o termo, sinta-se livre para verificar nosso artigo detalhado sobre o assunto. Em poucas palavras, vamos dizer que a maioria dos sistemas com hardware recente (3 anos de idade ou mais recente) estão equipados com UEFI, então, para que nossos usuários possam instalar a Mageia 5 facilmente em hardware recente, o suporte UEFI era uma obrigação.

Implementar o suporte para inicialização UEFI e as mudanças de particionamento, que são inerentes a esta nova tecnologia, significava fazer muitas mudanças em nosso instalador. Foi feito de forma incremental, corrigindo bugs como eles apareceram, e descobrindo novas e velhas questões ao longo do caminho. Tivemos a sorte de ter uma equipe muito dedicada de testadores QA para este lançamento, e eles brincaram com o instalador para tentar encontrar suas deficiências nas configurações mais exóticas. Ao todo, esses testes geraram muitas correções e novos recursos em nosso instalador em cima do novo suporte UEFI: suporte para o RAID, integração do GRUB 2, as alterações no particionador…

É claro que esta nova versão não é apenas sobre as mudanças do instalador; todos os pacotes foram atualizados, e nós fizemos um monte de trabalho para garantir todos os pacotes bem construídos em relação ao novo conjunto de ferramentas de Mageia 5. Entre outros, você vai encontrar:

  • Low-level: Kernel 3.19.8, X.org 1.16.4
  • Toolkits: Qt 5.4.0, GTK+ 3.14.8
  • Ambientes de desktop: KDE 4.14.3, GNOME 3.14, Cinnamon 2.4.5, MATE 1.8.0, XFCE 4.12, LXQt 0.9.0, Plasma 5.1.2
  • Aplicativos: LibreOffice 4.4.2.2, Firefox ESR 31.7.0 (irá rapidamente ser atualizada para o Firefox ESR 38.x)

Sinta-se a vontade para navegar na página de comparação do Mageia App DB (somente plicativos e todos os pacotes atualizados) para ver as diferenças entre Mageia 4 e Mageia 5. Ao todo, a Mageia 5 contém quase 2.000 aplicativos e 25.000 pacotes, todos disponíveis nos repositórios oficiais.

Por que escolher Mageia

Uma palavra: comunidade. A Mageia é uma distribuição Linux de alto nível, inteiramente feita por e para sua comunidade. Sem nenhum compromisso, nenhuma empresa por trás dela, somente os usuários que têm um grande tempo desenvolvendo a distribuição que eles usam diariamente, em casa ou no trabalho. E como um usuário Mageia, você é parte dessa experiência gratificante, e você pode contribuir de muitas diferentes maneiras para torná-la sua.

A Mageia é feita sob medida para seus usuários, e por isso é apropriado em qualquer ambiente: trabalho, casa, servidores, lazer. Tudo é suportado diretamente pela comunidade através dos repositórios oficiais, disponível para instalação de forma simplificada. A Mageia sempre se esforçou para oferecer uma experiência de uso universal, através de um grande conjunto de ambientes de trabalho, integrado com algumas das melhores ferramentas de controle e administração disponíveis.

A aparência da Mageia 5

Como sempre, em relação ao trabalho de artístico, convidamos a comunidade para contribuir e recebemos propostas de alta qualidade. Nós escolhemos a noite estrelada pintada por Robert Gormly, mas você também vai encontrar muitos outros papeis de parede e screensavers que selecionamos a partir das contribuições da comunidade.

Mageia 5 official wallpaper

Um agradecimento especial

Este lançamento não teria sido possível sem o apoio de toda a nossa comunidade, por isso este é um agradecimento de todos para os administradores de sistemas, as equipes de controle de qualidade e de segurança, a equipe de documentação, a equipe de atelier e os tradutores, os empacotadores, os verificadores de bugs e os desenvolvedores e, finalmente, todos os demais por seu feedback e apoio em fóruns, listas de discussão e canais de IRC, bem como os relatórios de bugs e doações.

Divirta-se com Mageia 5!

(escrito em inglês por Rémi Verschelde traduzido por macxi)

Publicado em Sem categoria | 6 Comentários

Servidores Mageia caíram

Edit: Os servidores estão agora todos de volta on-line, obrigado novamente ao pessoal do datacenter Lost Oasis  por sua hospedagem e generoso apoio.

Nós chamamos isso de “a famosa síndrome do lançamento”! Parte dos servidores Mageia estão inativos neste momento. Verificação em curso, esperamos obtê-lo de volta, online em breve. Fique atento!

(escrito em inglês por ennael traduzido por macxi)

Publicado em Sem categoria | Comentários fechados em Servidores Mageia caíram

Esperando pela Mageia 5: holofotes ao suporte UEFI

Este artigo é dirigido a usuários com algum conhecimento técnico. Resumo para o não técnicos: Mageia 5 suporta UEFI, o que significa que agora é mais fácil de instalá-lo em hardware recente. Resumindo: após a instalação inicial, que pode ser um pouco diferente (veja abaixo), UEFI realmente não deve incomodá-lo.

O que é UEFI?

UEFI existe há alguns poucos anos, anteriormente era chamada de EFI. É um firmware completamente novo e diferente  para a inicialização de PCs de 64 bits e substituiu o antigo BIOS firmwares. Ele traz melhorias sobre a BIOS antiga, mas é conhecido principalmente na comunidade Linux, por tornar a instalação de sistemas Linux mais difíceis em computadores comprados com um sistema pré-instalado:

  1. porque ele exigiu o desenvolvimento para suportá-lo;
  2. por causa de um recurso de segurança chamado Secure Boot, que recusa a inicialização de qualquer bootloader que não esteja assinado com uma chave de assinatura oficial;
  3. porque não é sempre óbvio como inicializar um DVD ou uma chave USB (que depende do firmware, se o Secure Boot está ativo, se Inicialização Rápida  estiver ativa, etc.)

Sistemas UEFI também usam um novo formato de particionamento (para PCs) chamado GPT, com uma partição especial de sistema EFI (ESP) que contém a gestores de arranque.

As referências ao final deste texto oferecem explicações mais completas.

Mageia and UEFI

Com a Mageia 4, a fim de instalar um sistema com UEFI você tinha duas soluções:

  • ativar o modo de compatibilidade do legacy BIOS, aka Módulo de Suporte de Compatibilidade (Compatibility Support Module ou CSM),
  • ou seguir as instruções manuais do nosso wiki, envolvendo instruções de linha de comando para executar, como root, durante a instalação. Factível, mas não é fácil.

Instaladores da Mageia estão agora totalmente adaptados ao UEFI, para que você possa instalar facilmente, juntamente com outros sistemas pré-existentes.

E sobre Secure Boot?

Primeiro de tudo, Secure Boot não é UEFI. UEFI é o firmware, Secure Boot é uma das características, entre outras. No entanto, a maioria dos computadores vêm pré-instalados com o Secure Boot ativado, o que impede os usuários de inicializar qualquer outro sistema ou meio de instalação. Para instalar a Mageia, você precisa desativá-lo na configuração do seu firmware. Para gerenciar essa configuração, consulte a documentação do seu computador sobre como proceder. Há muitos recursos na internet que trata desse assunto. A partir de hoje, todos os fabricantes têm a obrigação de fornecer uma maneira de desativar a inicialização segura.

 Instalando Mageia em um sistema UEFI

Ambas as imagens LIVE e Clássica podem ser instaladas no hardware UEFI, mas não a ISO Dual arch. Dependendo de seu hardware ou preferência, basta gravar a imagem ISO  64bit para o DVD, ou copiá-la para uma unidade flash USB. Os usuários da Mageia podem usar o IsoDumper para isto (instalar isodumper no Centro de Controle Mageia  ou pelo modo-texto com urpmi isodumper). Para outros, verifique este procedimento. Veja também nossa página dedicada no wiki. Em seguida, inicializar o computador a partir da midia preparada.

Iniciar o instalador clássico em um sistema UEFI atualmente oferece opções de menu, dependendo da midia de boot: você precisa escolher a opção do menu de inicialização apropriado, se você estiver instalando a partir de DVD ou USB; isto não é necessário para os instaladores Live. Uma vez inicializado, não há diferença do não-UEFI para o uso do Live. Instalação difere muito ligeiramente pela necessidade de criar ou utilizar uma  existente partição de sistema EFI (ESP)  e montá-la em /boot/EFI, e não há escolha de menu de inicialização, que é automaticamente Grub2 (grub2-efi). A preparação e implementação da mídia de instalação Mageia para os sistemas UEFI é totalmente tratado  em nosso wiki.

Recursos sobre UEFI:

Se você está curioso para saber mais, Adam Williamson escreveu uma boa introdução ao  UEFI;  há também algumas informações sobre ele oem nossa página do wiki (en).

E quanto a atualização do Mageia 4?

Não há suporte para a atualização de uma instância do Mageia 4 que tinha sido instalado no modo não-UEFI para um Mageia 5 no modo UEFI.
Atualizando de uma UEFI Mageia 4 a UEFI Mageia 5 é suportado (bem como da não-UEFI Mageia 4 para a não-UEFI Mageia 5 é claro).

Mageia 5 está quase lá, fique atento!

(escrito em inglês por  Rémi Verschelde  traduzido por macxi)

Publicado em Sem categoria | 9 Comentários

Todas as coisas vêm para aqueles que esperam

E todos nós já esperamos tempo suficiente para a Mageia 5 RC: vá pegá-la!

Enquanto você espera para completar o download, inquieto e ansioso para experimentar este novo lançamento, vamos falar um pouco sobre esse release candidate: o que você pode esperar dele, e por que demorou tanto tempo?

Suporte UEFI – pra valer

Os desenvolvedores da Mageia têm trabalhado arduamente durante este ciclo de lançamento para adicionar o suporte UEFI ao nosso instalador, enquanto os colaboradores da Equipe QA foram testando todos os hardware que pudessem. Agora estamos orgulhosos de anunciar que você pode instalar a Mageia em sistemas UEFI, com bastante facilidade, usando nossa mídia Live ou o instalador clássico (exceto do DualDVD que não suporta UEFI).

Esta é agora a prova de fogo para a principal característica da Mageia 5: se você tem um sistema UEFI, por favor, tente este release candidate no maior número de configurações possível (dual boot com o Windows ou com outras distribuições de Linux, etc.). E, em seguida, por favor informe qualquer bug que você encontrar; a maioria dos bugs notados durante estes longos testes de pré-lançamento foram resolvidos, mas os nossos testadores da Equipe de QA têm recursos de hardware relativamente limitadas.

Limpeza de primavera no instalador

Embora seja provavelmente o recurso mais aguardado, suporte UEFI não é a única melhoria que foi feita em nosso instalador, DrakX. O teste intensivo realizado pela equipe de QA nos últimos meses trouxe uma boa dose de erros de longa data à luz, e um monte de trabalho foi feito para corrigir esses problemas: suporte a RAID, a integração do GRUB 2, problemas gráficos ligados as evoluções do GTK+3, mais recursos de login e depuração recursos urpmi e o instalador … o nome dele!

Por exemplo, nós melhoramos os recursos de particionamento padrão para refletir melhor as necessidades de nossos usuários: as opções prontas para “apagar e usar todo o disco” ou “usar o espaço livre” agora irá criar uma partição raiz maior (até 50 GB se você tem uma tonelada de espaço livre, contra 12 GB nas versões anteriores). A opção “usar o espaço livre em uma partição Windows” também será menos tímida, utilizando o espaço livre em partições NTFS, permitindo-lhe ter uma partição raiz confortável se você desejar instalar vários ambientes de desktop ou alguns dos bons jogos de código aberto fornecido com Mageia 5.

Nosso lançamento mais testado até agora

Com mais de dois meses de desenvolvimento e testes, este release candidate é nosso lançamento mais testado até agora, e esperamos que ele vá fazer da Mageia 5 o nosso lançamento mais estável e maduro. O período de congelamento foi mais longo do que o previsto, mas você não vai encontrar os pacotes mais recentes, como o Kernel 4.0; por outro lado, estamos muito confiantes de que chegamos a um bom compromisso entre ser atualizado e ser estável. Os nossos empacotadores continuam trabalhando no fornecimento de importantes lançamentos de correção de bugs e correções de segurança, enquanto  tentamos nos certificar de não adicionar qualquer regressão evitável, e tudo em toda a Mageia 5 deve satisfazer a ambos os usuários, os casuais e os avançados.

Um impressionante trabalho em equipe entre os devs e os testadores QA

O período de teste para este release candidate era como um jogo interminável de ténis de mesa, com os desenvolvedores de um lado, trabalhando duro em correções de problemas  críticas de lançamento e testadores ISO, por outro lado, sempre correndo para corrigir novos (e velhos) problemas e certificando-se que as correções de bugs foram eficazes. Um grande obrigado a todos os envolvidos neste período de teste cansativo, mas gratificante; nós definitivamente estabelecemos um novo recorde com nove rodadas de RC ISOs testados em mais de dois meses!

Elogios especiais para a nossa equipe de QA, e especialmente os seus novos membros que se juntaram durante o ciclo de lançamento da Mageia 5, para conseguir manter os teste de pacotes-candidatos a atualização para a Mageia 4, enquanto trabalhavam nas ISOs RC.

Agora é a sua vez

Com tanto desenvolvimento feito entre o nosso terceiro beta e este release candidate, há muito para testar e precisamos o máximo de hardware coberto possível, especialmente para testar o apoio UEFI e outras mudanças do instalador. Então,  pegue sua cópia,  prepare seu dispositivo de inicialização e comece com a Mageia 5 RC! Por favor, dê uma olhada na errata também, uma vez que já são conhecidos os problemas que nós não podemos corrigir ainda, e relate qualquer bug que afetar sua instalação e que você não tiver encontrado na errata ou no nosso Bugzilla.

(escrito em inglês por Rémi Verschelde  traduzido por macxi)

Publicado em Sem categoria | 3 Comentários

Mageia no Chemnitz Linux Days 2015

CLT2015No sábado, dia 21, e domingo, dia 22 de março, a Mageia vai estar presente na Chemnitz Linux Days 2015 (Chemnitz Linux Dias, CLT 2015).

Como expositores de longa data, temos o prazer de participar mais uma vez em uma das maiores reunião da comunidade de software livre na Alemanha, após um ano de ausência. Lá você vai ter a possibilidade de obter uma pré-visualização do nosso upcoming Mageia 5 liberar e discutir todos os aspéctos do projeto Mageia.

O amplo programa contém uma grande quantidade de diferentes palestras, oficinas para jovens e idosos e um monte de outros projetos interessantes que irão apresentar seus trabalhos. Você vai encontrar a programação completa aqui.

Estamos ansiosos para vê-lo na CLT 2015!

(escrito em inglês por  Rémi Verschelde  traduzido por macxi)

Publicado em Sem categoria | Comentários fechados em Mageia no Chemnitz Linux Days 2015